Construção de superfície de volatilidade para o mercado brasileiro de opções de dólar baseado no modelo de volatilidade estocástica de Heston

dc.contributor.advisorPinto, Afonso de Campos
dc.contributor.authorBustamante, Pedro Zangrandi
dc.contributor.memberSantos, José Evaristo dos
dc.contributor.memberSilva, Marcos Eugênio da
dc.contributor.unidadefgvEscolas::EESPpor
dc.date.accessioned2011-06-03T18:49:55Z
dc.date.available2011-06-03T18:49:55Z
dc.date.issued2011-02-11
dc.description.abstractNos últimos anos, o mercado brasileiro de opções apresentou um forte crescimento, principalmente com o aparecimento da figura dos High Frequency Traders (HFT) em busca de oportunidades de arbitragem, de modo que a escolha adequada do modelo de estimação de volatilidade pode tornar-se um diferencial competitivo entre esses participantes. Este trabalho apresenta as vantagens da adoção do modelo de volatilidade estocástica de Heston (1993) na construção de superfície de volatilidade para o mercado brasileiro de opções de dólar, bem como a facilidade e o ganho computacional da utilização da técnica da Transformada Rápida de Fourier na resolução das equações diferenciais do modelo. Além disso, a partir da calibração dos parâmetros do modelo com os dados de mercado, consegue-se trazer a propriedade de não-arbitragem para a superfície de volatilidade. Os resultados, portanto, são positivos e motivam estudos futuros sobre o tema.por
dc.description.abstractIn recent years, the Brazilian option market has grown considerable, especially with the emergence of the High Frequency Traders (HFT) in search of arbitrage opportunities, so that the appropriate choice of a volatility estimation model should become a competitive differentiator among these participants. This paper presents the advantages of adopting the Heston stochastic volatility model on the construction of the volatility surface for the Brazilian US Dollar option market, as well as the easiness and the computational gain by applying the Fast Fourier Transform technique on the models differential equations resolution. Furthermore, from calibration of the model parameters to market data, it is possible to bring the no-arbitrage property to the volatility surface. The results, therefore, are positive and motivate further studies on the subject.eng
dc.identifier.citationBUSTAMANTE, Pedro Zangrandi. Construção de superfície de volatilidade para o mercado brasileiro de opções de dólar baseado no modelo de volatilidade estocástica de Heston. Dissertação (Mestrado Profissional em Finanças e Economia) - FGV - Fundação Getúlio Vargas, São Paulo, 2011.
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/10438/8337
dc.language.isopor
dc.subjectStochastic volatilityeng
dc.subjectVolatility surfaceeng
dc.subjectFX optioneng
dc.subjectHeston modeleng
dc.subjectFast fourier transformeng
dc.subjectVolatilidade estocásticapor
dc.subjectSuperfície de volatilidadepor
dc.subjectModelo de Hestonpor
dc.subjectOpções de dólarpor
dc.subjectTransformada rápida de Fourierpor
dc.subject.areaEconomiapor
dc.subject.bibliodataMercado de opções - Brasilpor
dc.subject.bibliodataMercado de opções - Modelos matemáticospor
dc.subject.bibliodataDólarpor
dc.titleConstrução de superfície de volatilidade para o mercado brasileiro de opções de dólar baseado no modelo de volatilidade estocástica de Hestonpor
dc.typeDissertationeng
Arquivos
Pacote Original
Agora exibindo 1 - 1 de 1
Carregando...
Imagem de Miniatura
Nome:
66080100251.pdf
Tamanho:
1.02 MB
Formato:
Adobe Portable Document Format
Licença do Pacote
Agora exibindo 1 - 1 de 1
Nenhuma Miniatura disponível
Nome:
license.txt
Tamanho:
4.6 KB
Formato:
Item-specific license agreed upon to submission
Descrição: