Avaliação de impacto das pesquisas no setor de óleo e gás: um estudo das práticas das pesquisas financiadas pela cláusula dos contratos de concessão junto às entidades de ensino e pesquisa

Carregando...
Imagem de Miniatura
Data
2019-11-26
Orientador(res)
Vasconcelos, Flávio Carvalho de
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo

Objetivo- Este trabalho busca avaliar o impacto das pesquisas financiadas pela cláusula do contrato de concessão junto às entidades de ensino e pesquisa no Brasil. Metodologia- A pesquisa caracteriza-se como exploratória, utilizando-se de métodos qualitativos como a entrevistas, posteriormente validada por um questionário aplicado a executivos de alto nível das instituições pesquisadas. Resultados- Dentre as descobertas desta pesquisa, ressaltam-se o alto tempo médio para início da execução da pesquisa, frequentes citações de grande burocracia por parte dos órgãos reguladores, escassez de métricas dos impactos na sociedade, quase inexistência da troca de experiência entre as entidades de ensino e pesquisa, bem como inúmeras sugestões de linhas de pesquisa derivadas deste estudo. Limitações- A principal limitação está no fato do tempo entre as revisões nas regras que regem a obrigatoriedade dos investimentos. A primeira revisão foi elaborada em 2005, a segunda em 2015 e uma terceira havia sido publicada em setembro de 2019, no final desta pesquisa. Este fator dificulta as instituições na comparação entre projetos submetidos sob regras diferentes, uma vez que o tempo médio dos projetos de pesquisa está entre 3 e 4 anos. Outra limitação foi a definição de recorte deste estudo: tomou-se como premissas os projetos iniciados em 2016 e finalizados em 2018, quando sabe-se que o início da obrigatoriedade data de 1997. E por último, mas não menos importante, a própria natureza da pesquisa qualitativa, cujos momentos das entrevistas inevitavelmente sofrem com a influência do pesquisador. Contribuições práticas- A partir desta pesquisa, órgãos reguladores podem iniciam um movimento na direção da simplificação e estímulo a um ambiente mais propício ao desenvolvimento tecnológico, como por exemplo o entendimento das causas que mais contribuem para o excessivo tempo de início de um projeto de pesquisa. Contribuições diretas como a elaboração de um mapa da infraestrutura dos laboratórios construídos com o recurso da lei do petróleo e as diversas linhas de pesquisa sugeridas derivadas desta pesquisa. Contribuições Sociais- As visões criadas nesta pesquisa reforçam a urgente necessidade de uma mudança estrutural a nível governamental e no nível das instituições neste aspecto das avaliações do impacto das pesquisas, uma vez que a percepção atual é de que não se sabe ao certo se os investimentos em PD&I estão sendo eficazes quanto à sua obrigatoriedade. Originalidade- Apesar do tema não ser novo, pelo nosso conhecimento, esta é a primeira pesquisa qualitativa que aborda pontos importantes em profundidade derivado da obrigação dos investimentos no setor de óleo e gás brasileiro.


Descrição
Área do Conhecimento