Construção do teste de aptidão criativa - TAC: forma experimental

dc.contributor.advisorMendonça Filho, José Almir
dc.contributor.authorRosas, Argentina Carlos da Silva
dc.contributor.unidadefgvInstitutos::ISOPpor
dc.date.accessioned2012-04-25T11:39:06Z
dc.date.available2012-04-25T11:39:06Z
dc.date.issued1978-05-25
dc.description.abstractThe present work describes the construction of a psycholopical instrument to be used in the evaluation of creative behavior - the Test of Creative Aptitude. The Test was designed for use by professional counselors and school psychologists working in Brazil. The theoretical introduction to this report lays out the psychological bases of creativity, giving particular emphasis to relations with theories of personality and cognition. Following this, the author presents a detailed discussion of the development of the instrument from initial pilot studies to its present form o Throughout with care was given to demonstrate reliability and construct validity of the measure. Subjects in the present study were public and private school students in Recife, Brazil. Factor-analytic results with other measures used as marker variables indicated the presence of three dimensions in the instrument: Factor I, labelled Convergent Production; Factor it, Flexibility; and Factor III, Originality. Further analysis reveled that these factors are all normally distributed. A Cronbach- for the instrument was calculated as 0.72, indicating a substancial degree of homogeneity. A stepwise multiple regression analysis was performed to indicate the test itens with the total score. This procedure yielded itens which were most representative of the test as a whole, and as such would be selected for the final form ot the instrument. A criticism is made of the scoring technique and suggestions are proposed for improving the measurement in the future. The present study suggests the need for further conceptual clarification regarding basic theoretical notions of creativity. Further studies are recommended to standardize and establish the external validity ot the test of Creative Aptitude.eng
dc.description.abstractEste trabalho tem por finalidade a construção de um instrumento psicológico de medida de comportamentos criativos, o Teste de Aptidão Criativa - TAC. A construção do TAC é justificada de um lado, por sua utilidade; sobretudo para o orientador profissional e psicólogo escolar e de outro; pela inexistência no Brasil; em particular no Nordeste, de instrumentos de medida similar. A formulação do problema e seu contexto são descritos logo no início do trabalho, bem como, a fundamentação teórica. Neste particular, enfatizou-se o enfoque psicológico da criatividade v em suas abordagens personológica e cognitiva. Atenção especial foi dada ao estudo do 'modelo da estrutura do intelecto' de J. P. Guilford, suporte teórico do TAC. O teste de Aptidão Criativa é apresentado em todas as etapas de sua construção , desde a forma pré-piloto ç à piloto e à experimental, salientando-se seus respectivos subtestes figural e verbal. Ilustrações dos itens, bem como, das formas do teste são também apresentadas para melhor compreensão do texto. Em prosseguimento descreve- se uma pesquisa empírica realizada com o TAC, cujas hipóteses operacionais visam comprovar sua validade de constrito sua fidedignidade. A população foi constituída de alunos, de ambos os sexos, que cursaram em 1977 a 8a. série do 1º grau, de escolas públicas ou particulares; do município do Recife. O trabalho descreve detalhadamente a determinação da amostra, os instrumentos utilizados bem como os critérios de avaliação dos dados. O tratamento estatístico consistiu em medidas de tendência ceutra e de variabilidade; análise fatorial (técnica dos componentes principais-solução Varimax) para verificação da validade de construto. Os resultados obtidos, pela análise fatorial, demonstraram a presença de três fatores: um denominado C e interpretado como Convergente e dois, mensuráveis pelo TAC (conforme mostram as cargas fatoriais) que foram chamados de F (Fluência e Flexibilidade) e 0 Originalidade. O índice de homogeneidade calculado pelo ' de Cronbach' da característica originalidade entendida como essencial para a criatividade foi de 0,72. Tal resultado permite afirmar que na amostra testada o TAC , neste aspecto, apresenta fidedignidade significativa. Uma análise de regressão múltipla por passos foi levada a efeito, visando a identificação dos itens que mais contribuíram para explicação do escore total. Os resultados permitiram apontar uma melhor forma para o TAC figural constituída pelos itens I , II, V, VI , VII e VIII, os quais comporão a forma definitiva do TAC. Calculou-se também o estatístico Z do 'Teste de urna Amostra de Kolmogorou para verificação da normalidade da distribuição das três características que o de medir: Fluência, Flexibilidade e Originalidade. Explicita-se ainda uma crítica à técnica de computação das respostas do TAC em face do índice de flexibilidade e propõe-se a realização de estudos, que permitam a formulação de novos procedimentos para um tratamento mais adequado das respostas aos estímulos do teste. Sugere-se também um estudo teórico sistemático de maior profundidade sobre os pontos de convergência entre as teorias psicológicas que tratam o tema para uma melhor compreensão da natureza e dinâmica do comportamento criativa. Propõe-se ainda a continuidade da pesquisa empírica que deu origem a este trabalho, tendo por objetivo imediato a padronização do TAC, de modo a poder ser ele instrumento útil ao psicólogo, na prática da psicologia aplicada.por
dc.identifier.citationROSAS, Argentina Carlos da Silva. Construção do teste de aptidão criativa - TAC: forma experimental. Dissertação (Mestrado em Psicologia Aplicada) - Instituto de Seleção e Orientação Profissional, Fundação Getúlio Vargas - FGV, Rio de Janeiro, 1978.
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/10438/9707
dc.language.isopor
dc.rightsTodo cuidado foi dispensado para respeitar os direitos autorais deste trabalho. Entretanto, caso esta obra aqui depositada seja protegida por direitos autorais externos a esta instituição, contamos com a compreensão do autor e solicitamos que o mesmo faça contato através do Fale Conosco para que possamos tomar as providências cabíveis.por
dc.subject.areaPsicologiapor
dc.subject.bibliodataTeste de aptidão criativapor
dc.titleConstrução do teste de aptidão criativa - TAC: forma experimentalpor
dc.typeDissertationeng
Arquivos
Pacote Original
Agora exibindo 1 - 1 de 1
Carregando...
Imagem de Miniatura
Nome:
000023547.pdf
Tamanho:
25.31 MB
Formato:
Adobe Portable Document Format
Licença do Pacote
Agora exibindo 1 - 1 de 1
Nenhuma Miniatura disponível
Nome:
license.txt
Tamanho:
4.6 KB
Formato:
Item-specific license agreed upon to submission
Descrição: