Sobre o desenvolvimento local no século XXI: a perspectiva do município de Osasco/SP

Carregando...
Imagem de Miniatura
Data
2023-06-13
Orientador(res)
Abdal, Alexandre
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo

A presente dissertação de mestrado insere-se no debate acerca do regime de desenvolvimento local e está voltada para a análise da transformação do espaço estatal sob as dinâmicas sociais e econômicas do capitalismo contemporâneo. O trabalho está fundamentado na percepção, derivada da literatura especializada sobre o tema, de que os processos liberais de integração econômica e produtiva em curso desde o final do século XX enfraqueceram os Estados nacionais e colocaram os governos subnacionais na centralidade estratégica das políticas públicas de desenvolvimento. Esse novo arranjo escalar do Estado não apenas tem submetido as localidades a uma dinâmica muito competitiva e empreendedora, mas também tem fortalecido mercados globais e aprofundado desigualdades regionais e sociais. Poucos são os estudos que se propõem a compreender as especificidades do regime de desenvolvimento no sul global a partir da espacialidade estatal. À vista disso, o presente trabalho tem como objetivos: (i) analisar o regime contemporâneo de desenvolvimento local no Brasil à luz da Teoria Espacial do Estado (TEE), de modo a compreender sua natureza, causas e consequências; e (ii) propor diretrizes para a administração pública municipal. Em termos de estratégias de pesquisa, esta investigação fundamenta-se no estudo multiescalar dos contextos e das perspectivas que permeiam o atual desenvolvimento do município de Osasco/SP, que tem se destacado no cenário brasileiro pelo seu singular crescimento econômico. O mérito deste trabalho reside no fornecimento de evidências e provocações para o debate público e a formulação de políticas públicas locais.


Descrição
Área do Conhecimento