Comunicação: base da interação entre amigos

Data
1990-12
Orientador(res)
Sigelmann, Élida
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo

Essa dissertação aborda na sua parte teórica a Interação Humana com especial ênfase na teoria da Comunicação de Gregory Bateson e Paul Watzlawick. Seu principal objetivo é verificar empiricamente a forma como se dá a comunicação de acordo com as categorias relacionais estabelecidas por Bateson. Para essa observação foram entrevistadas duplas de amigos que mantinham esse vínculo há algum tempo. Procurou-se categorizar os aspectos da Amizade referentes a intimidade, ciúme, confiança, competição, inveja, afetividade, cumplicidade, fidelidade e limites enquadrando-os nos padrões de relação estabelecidos por Bateson e Watzlawick quais sejam complementaridade e simetria. As entrevistas realizadas foram gravadas e delas retirados excertos para realização das análises. Os resultados ofereceram uma ampla margem para a confirmação dos supostos batesonianos, demonstrando por um lado a presença dos padrões complementar e simétrico, e por outro, a existência de flexibilidade entre eles, objetivando à manutenção da relação. Pode-se concluir que a relação de amizade tipifica a possibilidade de existir relacionamentos saudáveis entre as pessoas, distintos dos comumente observados, marcados pelos condicionamentos sociais e psicológicos que levam à competição, à dominação e à falsidade.


Descrição
Área do Conhecimento