As vulnerabilidades urbanas e os desafios para a ação pública: novos contornos na relação entre estado subnacional e as organizações da sociedade civil no campo da assistência social: relatório de pesquisa de um estudo de acompanhamento das dinâmicas da assistência social na Zona Sul de São Paulo – M Boi Mirim e Campo Limpo

Data
2016-11-08
Orientador(res)
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo

Traz relatório contendo dados e análises construídos a partir da pesquisa realizada no período de Maio/2014 a Junho/2016, a qual realizou estudos de acompanhamento das dinâmicas da Assistência Social na zona sul da cidade de São Paulo, mais especificamente nos bairros de M Boi Mirim e Campo Limpo. Foram diversos os elementos que foram estudados e analisados desde documentações técnicas e teóricas até a escuta das vozes das próprias pessoas que estão executando a Assistência Social, sejam ela por parte de agentes públicos estatais, sejam por agentes públicos não estatais, durante o período da pesquisa. Essa pesquisa se insere nas discussões e análises das transformações que estão ocorrendo na sociedade brasileira desde a CF 88 no que se refere aos vínculos entre o governo local e as organizações de base territorial, para a provisão de serviços públicos à população considerada em estado de vulnerabilidade e risco social. Tem como objetivo contribuir para a discussão sobre as ações locais e para a promoção de novos mecanismos de coordenação interorganizacional de base territorial e sinergias de ação, construindo espaços de governança coletiva.


Descrição
Área do Conhecimento