Clima econômico da América Latina melhora, mas continua desfavorável

dc.contributor.authorInstituto Brasileiro de Economia
dc.contributor.unidadefgvInstitutos::IBREpor
dc.date.accessioned2023-02-14T14:39:39Z
dc.date.available2023-02-14T14:39:39Z
dc.date.issued2022
dc.description.abstractIndicador de Clima Econômico (ICE) sobe entre o 3º e o 4º trimestre de 2022 sob influência da melhora das percepções sobre o momento atual. O Brasil registrou alta de 30 pontos no ICE, , avanço de 49,4 pontos do ISA e de 10,2 pontos do IE. A alta menos expressiva do IE em relação ao ISA e sua retração em alguns países indica que o cenário para os próximos seis meses tende a desacelerar na região. As projeções de uma menor taxa de crescimento do PIB para 2023 em relação a 2022 corroboram a cautela dos especialistas em relação aos próximos meses.por
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/10438/33236
dc.language.isopor
dc.publisherFGV IBREpor
dc.subjectClima econômico - América Latinapor
dc.subject.areaEconomiapor
dc.subject.bibliodataCrise econômica - América Latinapor
dc.subject.bibliodataPolítica econômicapor
dc.titleClima econômico da América Latina melhora, mas continua desfavorávelpor
dc.typeArticleeng
Arquivos
Pacote Original
Agora exibindo 1 - 1 de 1
Carregando...
Imagem de Miniatura
Nome:
sondagem-da-america-latina_fgv_press-release_4otri2022.pdf
Tamanho:
415.03 KB
Formato:
Adobe Portable Document Format
Descrição:
Licença do Pacote
Agora exibindo 1 - 1 de 1
Nenhuma Miniatura disponível
Nome:
license.txt
Tamanho:
4.6 KB
Formato:
Item-specific license agreed upon to submission
Descrição: