Custo de mitigação das tecnologias de baixa emissão de carbono: integração-lavoura-pecuária e recuperação de pastagens degradadas

Data
2019-03-19
Orientador(res)
Gurgel, Angelo Costa
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo

As atividades agropecuárias são responsáveis por uma parcela considerável das emissões de Gases de Efeito Estufa (GEE) no Brasil. Ferramentas capazes de calcular as emissões dessas atividades já foram desenvolvidas e adequadas à realidade brasileira. A fim de se obter o custo de mitigação de tecnologias de baixa emissão de carbono, o presente trabalho acrescenta á ferramenta GHG Protocol a variável custo. Para testar a ferramenta foram usados dados por fazendas que colaboraram com essas informações, a fim de ter um segundo parâmetro a ferramenta também foi testa com dados de custos sugeridos pelo Agrianual e Anualpec. No caso foi considerado um ciclo de 4 anos, onde no primeiro tem-se a implementação das tecnologias de baixa emissão de carbono e nos 3 anos subsequentes tem-se pastejo da área. Cenários diferentes foram avaliados, levando em consideração variais de custo e contabilização das emissões. Por fim os resultados encontrados são comparados com os já disponíveis na literatura atual, onde pode-se concluir que apesar dos custos algumas vezes altos para implementação destas tecnologias, o ganho de produtividade deve recompensar estes custos apresentados. ABSTRACT Agricultural activities are responsible for a considerable part of the emissions of greenhouse gases (GHG) in Brazil. Tools capable of calculating the emissions of these activities have already been developed and adapted to Brazilian reality. In order to obtain the mitigation cost of low carbon technologies, the present work adds the costs to the GHG Protocol tool. To test the tool were used data from farms that collaborated with this information, in order to have a second parameter the tool was also tested with cost data suggested by Agrianual and Anualpec. In the case was considered a cycle of 4 years, wherein the first one is the implementation of the technologies of low carbon emission and in the following 3 years grazing of the area. Different scenarios were evaluated, considering cost variations and emissions accounting. Finally, the results obtained are compared with those already available in the current literature, where it can be concluded that despite the high costs of implementing these technologies, productivity gains should reward these presented costs.


Descrição
Área do Conhecimento