Desenvolvimento de um modelo fuzzy multicritério para análise de criticidade: o caso do trem de levitação magnética

Resumo

Este artigo objetiva apresentar o desenvolvimento de um modelo matemático multicritério, utilizando o método F-SAW, híbrido entre a Teoria Fuzzy e o método multicritério SAW (Simple Additive Weighting), para determinar a criticidade dos elementos que compõem um sistema complexo. Utilizou-se, inicialmente, a pesquisa exploratória bibliográfica pela necessidade de se obter melhor conhecimento sobre os critérios a serem empregados no modelo para avaliação da criticidade. Identificaram-se 182 critérios que, após triagem, foram selecionados 25. Quanto ao estudo de caso, que objetiva exemplificar e validar os procedimentos do modelo, desenvolveu-se a pesquisa descritiva como base para a coleta de dados sobre as partes que compõem o sistema complexo estudado, o MagLev-Cobra, desenvolvido na COPPE/UFRJ. De posse dos critérios e das 53 partes, desenvolve-se o modelo matemático onde é realizado o processamento dos dados. Como resultado, foi possível gerar uma lista hierarquizada pelo índice de criticidade dos componentes do sistema complexo. Desta forma, percebeu-se que o elemento com maior índice de criticidade é o Criostato; em contrapartida, os menos críticos foram o voltímetro e amperímetro. Nota-se que o modelo gerado é de ampla aplicação em sistemas complexos de quaisquer áreas, haja vista que os critérios utilizados são genéricos. Além disso, para a fase de certificação que o sistema está submetido, a existência de um modelo preciso, que considere vasta abordagem de critérios, denota maior confiança nos resultados da produção com segurança.


Descrição
Área do Conhecimento