Desafios à expansão da infraestrutura: revisão da matriz de risco e do regime de proteção ao equilíbrio econômico-financeiro na fase pré-operacional de concessões para expansão da infraestrutura a partir da experiência do setor elétrico

Data
2022-09
Orientador(res)
Fernandes, Wanderley
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo

Este estudo tem por objetivo identificar o regime de alocação de riscos em contratos de concessão para a expansão do parque hidrogerador em busca de uma melhor compreensão do regime de equilíbrio econômico-financeiro destes negócios, bem como apurar a disponibilidade de ferramentas consensuais para mitigar impactos financeiros, promover ações cooperativas e evitar a doção de comportamentos oportunistas. O estudo constatou que, apesar de as práticas contratuais e normas vigentes aparentarem aderência aos interesses das partes, é necessário revisar a matriz de alocação de riscos para compartilhamento de parte do risco e promoção de medidas cooperativas entre as partes, a fim de melhor tutelar o interesse coletivo de expansão da infraestrutura. São apresentadas as bases teóricas e propostas para estabelecimento uma matriz de risco escalonada, de forma que as partes compartilhem os riscos e impactos de eventos imprevisíveis ou previsíveis com impactos inestimáveis. Também são indicadas possíveis soluções para reequilíbrio de concessões para expansão da infraestrutura que sofreram desencaixe financeiro na fase de obras, visando oferecer uma higidez maior ao contrato de concessão e atender as políticas públicas que embasam a concessão.


Descrição
Área do Conhecimento