Comunidade andina de nações

Data
2012-04-16
Orientador(res)
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo

Em seus mais de 40 anos de existência, a Comunidade Andina das Nações alternou períodos de euforia com crises profundas, que resultaram na saída de um de seus membros originais – o Chile, que denunciou o acordo logo em 1976 – e da Venezuela, que aderiu em 1973, mas abandonou em 2006. Além de apresentar o histórico do bloco, a evolução de seu marco institucional e de seus indicadores econômicos e comerciais básicos, o presente capítulo descreve em maior detalhe a evolução dos acontecimentos que culminaram com a saída da Venezuela. A análise dos impactos econômicos e políticos de sua saída é a base das reflexões desenvolvidas nas considerações finais do capítulo, na última seção, sobre as condições necessárias para a estabilidade de acordos regionais de integração.


Descrição
Área do Conhecimento