Criação de valor operacional por empresas de private equity em suas adquiridas: um estudo do caso brasileiro

dc.contributor.advisorSampaio, Joelson Oliveira
dc.contributor.authorDaniel, Henrique Lorenzi
dc.contributor.memberSampaio, Joelson Oliveira
dc.contributor.memberColombo, Jefferson Augusto
dc.contributor.memberGallucci Netto, Humberto
dc.contributor.unidadefgvEscolas::EESPpor
dc.date.accessioned2021-06-08T20:45:25Z
dc.date.available2021-06-08T20:45:25Z
dc.date.issued2021-04-29
dc.description.abstractA literatura acadêmica dita que há 3 drivers por meio dos quais empresas de PE criam valor em suas adquiridas: engenharia financeira (alavancagem), engenharia de governança (aumento de múltiplo) e engenharia operacional. Entende-se que os dois primeiros, engenharias financeiras e de governança, são considerados os tradicionais no que diz respeito à geração de valor nas empresas do portfólio de fundos de PE. Este estudo busca resultados para duas hipóteses: empresas que recebem investimentos de fundos de PE apresentam resultados operacionais acima dos de seus competidores? Mais ainda, existe uma correlação entre o grau de intervenção de empresas de PE na operação de suas adquiridas e o retorno de seus fundos aos investidores? Para responder à primeira hipótese, não encontramos evidências de que as empresas que recebem aportes financeiros de fundos de PE apresentam excesso de retorno operacional quando comparadas aos seus competidores de mercado. No que tange à segunda hipótese, encontramos uma correlação positiva entre o grau de intervenção operacional nas empresas de portfólio de fundos de PE e o retorno de seus fundos dedicados à Brasil, abrindo espaço para uma nova discussão para o caso brasileiro.por
dc.description.abstractThe academic literature dictates that there are 3 drivers through which PE companies create value in their portfolio companies: financial engineering (leverage), governance engineering (multiple increase) and operational engineering. It is understood that the first two, financial and governance engineering, are considered the traditional ones regarding the generation of value in companies that are part of PE funds’ portfolios. This study seeks results for two hypotheses: do companies that receive investments from PE funds present operating results above those of their competitors? Furthermore, is there a correlation between the degree of intervention by PE companies in the operation of their acquired companies and the return of their funds to investors? Answering the first hypothesis, we found no evidence that companies that receive financial investments from PE funds have an excess of operational return when compared to their market competitors. Regarding the second hypothesis, we found a positive correlation between the degree of operational intervention in the PE fund portfolio companies and the return on their funds dedicated to Brazil, making room for a new discussion for the Brazilian case.eng
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/10438/30701
dc.language.isopor
dc.rights.accessRightsopenAccesseng
dc.subjectOperational performanceeng
dc.subjectBrazileng
dc.subjectDesempenho operacionalpor
dc.subjectPrivate equitypor
dc.subjectBrasilpor
dc.subject.areaEconomiapor
dc.subject.bibliodataPrivate equity (Finanças)por
dc.subject.bibliodataEmpresas - Finançaspor
dc.subject.bibliodataEmpresas - Avaliaçãopor
dc.titleCriação de valor operacional por empresas de private equity em suas adquiridas: um estudo do caso brasileiropor
dc.typeDissertationeng
Arquivos
Pacote Original
Agora exibindo 1 - 1 de 1
Carregando...
Imagem de Miniatura
Nome:
Criação De Valor Operacional Por Empresas De Private Equity Em Suas Adquiridas_Um Estudo Do Caso Brasileiro_vF.pdf
Tamanho:
446.81 KB
Formato:
Adobe Portable Document Format
Descrição:
PDF
Licença do Pacote
Agora exibindo 1 - 1 de 1
Nenhuma Miniatura disponível
Nome:
license.txt
Tamanho:
4.6 KB
Formato:
Item-specific license agreed upon to submission
Descrição: