Defesa e controle: uma análise da presença civil no ministério da defesa brasileiro

dc.contributor.advisorAmorim Neto, Octavio
dc.contributor.authorPimenta, Gabriel Alves
dc.contributor.memberZaverucha, Jorge
dc.contributor.memberFontes Filho, Joaquim Rubens
dc.contributor.unidadefgvEscolas::EBAPEpor
dc.date.accessioned2015-01-13T12:35:21Z
dc.date.available2015-01-13T12:35:21Z
dc.date.issued2014-12-02
dc.description.abstractThis thesis aims to examine the contribution of civilian presence towards the establishment of civil control over the military under civilian perspective in the Ministry of Defense. Using a qualitative approach this research aimed to present a new point of view of civil participation in the administration of the Defense folder, usually addressed through military perception. Interviews were conducted with 11 civil servants working in the Ministry in order to capture their perception on civilian participation on their field of operation. Highlighting the strong military culture present in the field, the interaction between civilian and military and the qualification and training of civilians working in the field. Evidence collected focused on the control suggest that, in contrast to the official discourse and despite the advances made in recent years, civilian control of the process still needs to progress and reach key elements in order to be deemed to be established.eng
dc.description.abstractEsta dissertação tem como objetivo analisar a contribuição da presença civil para o estabelecimento do controle civil sobre os militares sob a perspectiva civil no Ministério da Defesa. Utilizando uma abordagem qualitativa a pesquisa buscou apresentar um ponto de vista novo sobre a participação civil na administração da pasta de Defesa, em geral abordada através da percepção militar. Foram então realizadas entrevistas com 11 servidores civis que atuam no Ministério da Defesa a fim de captar a percepção dos mesmos sobre sua participação e a cerca do campo em que atuam, destacando a forte cultura militar presente no campo, a interação entre civis e militares e a qualificação e capacitação dos civis que atuam no campo. As evidências coletadas, centradas no controle, levam a crer que em contraste com o discurso oficial e apesar dos avanços feitos nos últimos anos, o processo de estabelecimento do controle civil ainda precisa progredir e alcançar elementos-chave para que possa ser considerado como estabelecido.por
dc.identifier.citationPIMENTA, Gabriel Alves. Defesa e controle: uma análise da presença civil no ministério da defesa brasileiro. Dissertação (Mestrado em Administração) - Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas, Fundação Getúlio Vargas - FGV, Rio de Janeiro, 2014.por
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/10438/13107
dc.language.isopor
dc.subjectAdministração públicapor
dc.subjectMinistério da Defesapor
dc.subjectControle civilpor
dc.subjectDefesa nacionalpor
dc.subjectRelações civis-militarespor
dc.subject.areaAdministração de empresaspor
dc.subject.bibliodataRelações entre civis e militarespor
dc.subject.bibliodataControle civil do poder militarpor
dc.subject.bibliodataAdministração públicapor
dc.subject.bibliodataBrasil - Defesapor
dc.subject.bibliodataBrasil. Ministério da Defesapor
dc.titleDefesa e controle: uma análise da presença civil no ministério da defesa brasileiropor
dc.typeDissertationeng
Arquivos
Pacote Original
Agora exibindo 1 - 1 de 1
Carregando...
Imagem de Miniatura
Nome:
Dissertação .pdf
Tamanho:
4.12 MB
Formato:
Adobe Portable Document Format
Descrição:
PDF
Licença do Pacote
Agora exibindo 1 - 1 de 1
Nenhuma Miniatura disponível
Nome:
license.txt
Tamanho:
4.6 KB
Formato:
Item-specific license agreed upon to submission
Descrição: