Liderança servidora influencia no engajamento e o aumento da performance organizacional

Carregando...
Imagem de Miniatura
Data
2021-05-28
Orientador(res)
Zanini, Marco Túlio Fundão
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo

Objetivo – Este estudo pretende Identificar no trabalho de pesquisa como a liderança servidora e o engajamento da equipe mais a pressão por performance influência nas intenções de sair dos colaboradores na Rede de Drogarias. Além disso, pretende reconhecer a importância desta liderança para o varejo no segmento farmacêutico e podendo ser explorado para os demais utilizando como estratégia empresarial. Metodologia – A pesquisa foi conduzida de forma quantitativa quanto sua natureza a partir de investigação exploratória, pois visa explicar quais fatores contribuem para a ocorrência do fenômeno estudado, ou seja, como a liderança servidora e a pressão por performance afetam a intenção de sair das organizações e com isso busca a validação das hipóteses através da utilização de dados estruturados e análises estatísticas, estudos bibliográfico e survey e também através livros, artigos, revistas, sites da internet e demais materiais de acesso público. Resultados – A Pesquisa aponta que líderes Servidor possam influenciar positivamente o engajamento no trabalho nas organizações, ou seja, que a liderança servidora proporcione aos subordinados melhores satisfação nos seus ambientes de trabalho, através de um melhor clima de cooperação entre os membros da equipe e que o líder seja capaz de reduzir os efeitos da pressão por desempenho sobre os subordinados e a intenção de sair das organizações. Limitações – Mesmo com amostra representativa e sem fazer nenhuma generalização, o estudo delimita-se a obter informações por meio on line, através da metodologia de questionário (survey) a pesquisa quantitativa, avaliando com variáveis certos fatores organizacionais de liderança Servidora, pressão por Performance e medidas de intenção de sair de uma Rede de Drogarias. Contribuições Práticas – A partir desse estudos os resultados mostram que as organizações atuantes no segmento do varejo farmacêutico podem adaptar a sua estratégia organizacional a liderança servidora , desenhando um modelo de capacitação na força de venda estimulando o engajamento da equipe de trabalho sua performance com o foco no resultados. Contribuições Sociais – De acordo com o IBGE, são 33 milhões de trabalhadores com carteira assinada no país. O setor de comércio, organizado em atacado e varejo de mercadorias, soma 8,5 milhões de trabalhadores e emprega cerca de 26% dos trabalhadores formais brasileiros o varejo essencial que contempla segmento do varejo farmacêutico com expansão física das redes de 6.911 em 2017 e 8.247 em 2020 com e a evolução do emprego no grande varejo entre farmacêutico e colaboradores, constituindo em um importante pilar da economia nacional. Originalidade – O estudo realizado no segmento varejo farmacêutico , identifica elementos específicos como a liderança servidora influência positivamente no engajamento dos colaboradores e a redução do turnover na rede de drogarias de estudo


Descrição
Área do Conhecimento