'Se Aécio virar réu, argumento de que Lava-jato é seletiva começa a enfraquecer', comenta professor Michael Mohallem