O efeito da liquidez das ações na reserva de caixa das empresas no mercado brasileiro

Data
2023
Orientador(res)
Castro Júnior, Francisco Henrique Figueiredo de
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo

Esta dissertação tem como objetivo investigar a relação entre a liquidez das ações e a reserva de caixa nas empresas, analisando como a liquidez afeta a política de reserva de caixa e se essa relação é influenciada por características específicas, como oportunidades de investimento e recompra de ações. Utilizando dados das demonstrações financeiras fornecidas pela Economática, excluímos empresas do setor de serviços financeiros e de utilidade pública da amostra do estudo. Para minimizar os efeitos de valores discrepantes, aplicamos a técnica de winsorização nos 1º e 99º percentis em todas as variáveis. A medida de liquidez das ações foi baseada no impacto do preço de Amihud (2002), multiplicado por 106 para facilitar a interpretação dos resultados. Além disso, foram consideradas várias variáveis de controle, como capital de giro líquido, tamanho da empresa, "Q de Tobin", despesas de capital, dividendos, lucro antes de juros e impostos, alavancagem contábil, despesas de aquisição e emissão de dívida líquida, bem como uma variável indicadora de IPO nos últimos 5 anos. A amostra totalizou 8352 observações de cada ação-tempo. Utilizando um modelo de efeitos fixos, analisamos a relação entre a liquidez das ações e a reserva de caixa, controlando pelas variáveis de controle e considerando os efeitos fixos da indústria e do ano para controle de heterogeneidade não observada. Os resultados mostram que a liquidez das ações está positivamente associada à reserva de caixa, e essa relação é mais pronunciada para empresas com mais oportunidades de investimento. No entanto, quando controlamos os efeitos fixos, o efeito médio da liquidez das ações na reserva de caixa foi reduzido, mas ainda significativo a 1%. Não há heterogeneidade para empresas com alto "Q de Tobin"e/ou alto nível de recompra de ações. Em conclusão, a liquidez das ações é um importante determinante da reserva de caixa nas empresas, e a relação entre elas é influenciada por fatores não observados que variam ao longo do tempo e entre as empresas. Os resultados têm implicações práticas relevantes para a gestão de tesouraria e estratégias de investimento.


Descrição
Área do Conhecimento