IFRS 16: o impacto nas empresas listadas no novo mercado da B3

dc.contributor.advisorCardoso, Ricardo Lopes
dc.contributor.authorNepomuceno, Roberto Damasceno
dc.contributor.memberSantos, Edilene Santana
dc.contributor.memberMoreira, Rafael de Lacerda
dc.contributor.unidadefgvEscolas::EAESPpor
dc.date.accessioned2020-07-09T21:40:16Z
dc.date.available2020-07-09T21:40:16Z
dc.date.issued2020
dc.description.abstractObjetivo – Este estudo pretende verificar se as empresas registradas no Novo Mercado da B3 anteciparam voluntariamente a divulgação dos efeitos esperados decorrentes da aplicação da norma IFRS 16 (CPC 06 R2), que trata dos arrendamentos mercantis, bem como avaliar a evolução dessas estimativas com os valores efetivamente registrados na data da sua adoção obrigatória, em 1º de janeiro de 2019, e ao longo do exercício de 2019. Por último, pretende avaliar se o rodízio de auditores afetou a capacidade dessas empresas em suas divulgações voluntárias e obrigatórias dos impactos do IFRS 16. Metodologia – Foi realizada pesquisa documental com base nas demonstrações financeiras e notas explicativas coletadas por meio do site da CVM. Resultados – Não observamos um alto nível de divulgações voluntárias relativas ao impacto esperado da adoção iminente do IFRS 16. Também constatamos que os impactos decorrentes do registro do passivo de arrendamento foram significativos para boa parte das empresas e que houve incrementos significativos na movimentação do passivo de arrendamento registrado durante o ano de 2019, decorrentes de ajustes referentes no cálculo da adoção inicial. Limitações – A principal limitação deste estudo decorre da impossibilidade de comparar os resultados obtidos com essa amostra das empresas do Novo Mercado com as demais empresas, uma vez que não foi testado ou analisado nenhum outro tipo de amostra. Contribuições – Este estudo contribui para o meio acadêmico com dados recentes e referências atuais para pesquisas futuras, uma vez que contempla dados anteriores e posteriores à adoção do IFRS 16, em complemento aos estudos anteriores.por
dc.description.abstractPurpose – This study intends to verify if companies listed under the New Market (Novo Mercado) segment of the Brazilian Stock Exchange (B3) anticipated the possible effects of IFRS 16 (CPC 06 R2) via voluntary disclosure, related to leases, as well as to analyze changes in the amounts recorded on the mandatory adoption date, as of January 1st, 2019, to the end of that year, and finally to assess if auditor rotation affected companies’ ability to disclosure voluntary and mandatory information regarding the impact of IFRS 16. Design/Methodology – Desk research based on the financial statements and accompanying notes collected from the CVM (Brazilian Securities and Exchange Commission) website was carried out. Findings – We did not observe a high volume of voluntary disclosure related to the possible effects when IFRS 16 adoption was imminent. We also found that the impacts on leases payable recorded were material to many companies and these had significant increases in leases payable activity recorded during 2019 due to adjustments of initial adoption calculations. Research Limitations – The main research limitation of this study is that it was not possible to compare the results obtained from the sample of the companies listed on the New Market to other companies, given that we did not test or analyze any other type of sample. Implications – This study contributes to the academic community with updated data and references for future research, given that analyzed data prior to and after IFRS 16 adoption, to supplementing prior studies.eng
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/10438/29426
dc.language.isopor
dc.rights.accessRightsopenAccesseng
dc.subjectLeaseseng
dc.subjectLeases payableeng
dc.subjectVoluntary disclosureeng
dc.subjectMandatory disclosureeng
dc.subjectBrazilian stock exchangeeng
dc.subjectIFRS 16por
dc.subjectCPC 06por
dc.subjectArrendamentospor
dc.subjectPassivo de arrendamentopor
dc.subjectDivulgações voluntáriaspor
dc.subjectDivulgações obrigatóriaspor
dc.subjectNovo mercadopor
dc.subjectB3por
dc.subject.areaAdministração de empresaspor
dc.subject.bibliodataContabilidade - Normaspor
dc.subject.bibliodataArrendamento mercantilpor
dc.subject.bibliodataEmpresas - Finançaspor
dc.subject.bibliodataDivulgação de informações contábeispor
dc.subject.bibliodataMercado financeiro - Brasilpor
dc.titleIFRS 16: o impacto nas empresas listadas no novo mercado da B3por
dc.typeDissertationeng
Arquivos
Pacote Original
Agora exibindo 1 - 1 de 1
Carregando...
Imagem de Miniatura
Nome:
IFRS 16 O IMPACTO DO NAS EMPRESAS LISTADAS NO NOVO MERCADO DA B3.pdf
Tamanho:
958.12 KB
Formato:
Adobe Portable Document Format
Descrição:
PDF
Licença do Pacote
Agora exibindo 1 - 1 de 1
Nenhuma Miniatura disponível
Nome:
license.txt
Tamanho:
4.6 KB
Formato:
Item-specific license agreed upon to submission
Descrição: