A importância dos fundos de investimento no financiamento do governo

Carregando...
Imagem de Miniatura
Data
2017
Orientador(res)
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo

Em certos aspectos, governos se assemelham a empresas e famílias, em particular no campo das finanças. Os três entes têm receitas: no caso das famílias, principalmente os salários; no caso das empresas, as receitas de vendas; e no caso dos governos, os tributos arrecadados. Os três também têm despesas: as famílias gastam com moradia, alimentação, educação e lazer; as empresas, com seus funcionários, impostos, modernização, compra ou fabricação dos seus produtos; finalmente, os governos gastam seus recursos tanto com seus funcionários, quanto com materiais diversos e novos investimentos. Mas há mais semelhanças. Quando as despesas ultrapassam as receitas, os três recorrem a financiamentos. As famílias recorrem aos bancos, acessando as diferentes linhas de crédito disponíveis, assim como as empresas. Já os governos buscam se financiar junto à população e às empresas através da venda de seus títulos de dívida. Há diversos desses títulos de emissão do Tesouro Nacional como as NTNs – Notas do Tesouro Nacional e as LFTs – Letras do Tesouro Nacional, sendo que os principais têm sua remuneração atrelada ou a um índice de inflação, como o IPCA – Índice de Preços ao Consumidor Amplo do IBGE, ou a uma taxa de juros como a Selic, ou, ainda, são prefixados. Como exemplos, no primeiro caso temos as NTN-B, no segundo, as LFT e, finalmente, como prefixados temos as LTN e as NTN-F.


Descrição
Área do Conhecimento