Geração de impacto a partir do reúso de dados abertos no Brasil

Nenhuma Miniatura disponível
Arquivos
Data
2023-02-13
Orientador(res)
Alcoforado, Flávio Carneiro Guedes
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo

Objetivo – Este estudo teve por finalidade analisar o fenômeno do reúso de dados abertos por órgãos e entidades públicas federais, estaduais/distrital ou municipais para a geração de impacto por meio do desenvolvimento soluções tecnológicas, com consequente geração de valor público, social e econômico. Metodologia – Esta pesquisa se classifica como exploratória descritiva com uso de abordagem de análise qualitativa, dada a natureza investigativa do estudo, que pretende alcançar uma melhor compreensão sobre o fenômeno do reúso de dados abertos no Brasil, mais especificamente quanto ao potencial de geração de impacto social, econômico e para a melhoria da governança pública. Para tanto, foram utilizados três métodos de pesquisa: levantamento bibliográfico, pesquisa documental e estudo de casos representativos do uso de dados abertos no Brasil. A estratégia foi adotada para consubstanciar a compreensão do fenômeno sob seus mais variados aspectos. Resultados – O estudo identificou categorias e subcategorias de impacto potencial gerado a partir do reúso de dados abertos no Brasil. O valor dos dados abertos é gerado em decorrência da melhoria da governança pública, do empoderamento dos cidadãos, da criação de oportunidades econômicas e de inovação, além da orientação para o bem comum, objetivando a solução de problemas públicos complexos. A análise detalhada de cinquenta e cinco reúsos de dados abertos produziu um corpo de evidências do impacto potencial e dos tipos de valor gerados, a partir da análise de frequência das categorias definidas. Limitações – A principal limitação da pesquisa está relacionada à dificuldade de se mensurar quantitativamente o impacto gerado em decorrência do reúso de dados abertos. Além disso, como o universo de soluções tecnológicas usando dados abertos é potencialmente muito maior do que o conjunto estudado, isso inviabiliza a extrapolação estatística dos resultados. Contribuições Práticas – O corpo de evidências de reúsos de dados abertos no Brasil levantado na pesquisa permite conhecer as categorias de impacto mais recorrentes e quais os tipos de valor mais frequentemente produzidos, o que pode servir como incentivo para que gestores de políticas de dados abertos invistam na abertura de dados produzidos e manipulados pelos governos. Além disso, os reúsos podem inspirar a replicação e a adaptação das ideias a novos contextos, contribuindo para maximizar o valor dos dados abertos no país. Contribuições Sociais – O fortalecimento das práticas de reúso de dados abertos tem o potencial de criar valor público, promover a participação cidadã e criar oportunidades econômicas e de inovação. Originalidade – No que diz respeito ao campo de dados abertos no Brasil, até onde foi pesquisado, este é o primeiro estudo focado na análise da geração de impacto social, econômico e público gerado por meio de soluções desenvolvidas com uso dados abertos.


Descrição