Interwar female labor force participation: evidence from Brazilian censuses

Carregando...
Imagem de Miniatura
Data
2023-04-14
Orientador(res)
Weller, Leonardo
Pereira, Thales Augusto Zamberlan
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo

Neste estudo, examino as tendências do trabalho feminino no Brasil entre 1920 e 1940 usando dados em nível municipal dos censos nacionais brasileiros. Apresento uma explicação para para a queda na participação da força de trabalho feminina (FILP) durante esse período: um número maior de filhos por mulher ativa (CDR) tornou mais caro para as mulheres trabalharem na indústria. Usando uma abordagem de variável instrumental, estimo um efeito negativo de mais de de mais de um desvio padrão entre o CDR e o FILP. Além disso, o estudo analisa os fatores que levaram a um aumento na participação feminina na força de trabalho de profissionais liberais (FLpFP), especificamente na profissão de professora do ensino fundamental, e mostra que essa tendência foi impulsionada pela urbanização e pela expansão da taxa de alfabetização: municípios com maior densidade urbana e taxas de alfabetização feminina têm um aumento de 10% de desvio padrão na FLpFP.


Descrição
Área do Conhecimento